Pular para o conteúdo principal

10 personalidades que alcançaram o sucesso após os 40


Personalidades que ficaram bem sucedidas após atingir a marca dos 40 anos servem de exemplo para dizer: nunca é tarde demais! 

Ah, o sucesso: todos gostaríamos de saber qual é o segredo para alcançá-lo. Começar desde cedo a procurar por ele ou adquirir experiências ao longo do tempo?    

As personalidades a seguir vão mudar sua percepção sobre idade e a realização de sonhos. O site Business Insider fez uma lista com 24 pessoas que se tornaram bem sucedidas após os 40 anos. Seja no mundo dos negócios, da moda ou da ciência: temos aqui ótimos exemplos de como nunca é tarde demais para conquistar suas metas profissionais.           
Selecionamos as 10 personalidades mais conhecida e mais representativas no Brasil. 

1. Stan Lee
Stanley Martin Lieber, conhecido como Stan Lee, agora com 92 anos, é um dos responsáveis pelo sucesso da Marvel Comics, editora de histórias em quadrinhos, que é hoje uma das maiores corporações de entretenimento do mundo. Lee deu vida a sua primeira história em quadrinhos, do grupo "O Quarteto Fantástico", com 39 anos. Após a popularidade do grupo, ele criou outros diversos super-heróis famosos, como o Homem-Aranha e o Homem de Ferro.

2. Donald Fisher
O executivo e co-fundador da GAP tinha 40 anos quando abriu, junto com a mulher, a primeira loja da marca em San Francisco, em 1969. Hoje, a GAP é considerada uma das maiores varejistas especializadas dos EUA.

3. Vera Wang
A estilista, que já foi editora da revista Vogue, desenhou o vestido de casamento de diversas artistas, como Victoria Beckham e Jennifer Lopez. Ela entrou na indústria da moda quando tinha 40 anos, e é hoje uma das designers mais reconhecidas mundialmente.

4. Samuel L. Jackson
O ator começou na indústria cinematográfica em 1972, com  24 anos, mas só alcançou o sucesso e o reconhecimento mundial a partir da década de 90, com 45 anos, com os clássicos como "Jurassic Park" (1993) e "Pulp Fiction" (1994).

5. Sam Walton
O fundador do Walmart, a maior rede de supermercados do mundo, abriu a primeira loja com seu irmão em 1962, quando tinha 44 anos.

6. Henry Ford
Henry Ford, fundador da montadora de carros que leva seu sobrenome, apresentou ao mundo seu sucesso, o Ford Model T, em 1908, quando já tinha 45 anos.

7. Momofuku Ando
O fundador da Nissin Food Products só conseguiu inventar o macarrão instantâneo em 1958, quando tinha 48 anos.

8. Charles Darwin
O cientista e pesquisador naturalista dedicou a vida as suas teorias, mas foi apenas em 1859, com 50 anos, que ele escreveu o seu livro revolucionário: "A Origem das Espécies”, que introduziu o conceito de seleção natural.

9. Ray Kroc
Fundou o McDonald's, uma das maiores cadeias de fast food, em 1954, quando tinha 52 anos.

10. Coronel Sanders
Harland David Sanders, conhecido como Coronel Sanders, fundou a rede de fast food Kentucky Fried Chicken, a KFC, em 1952, já com 62 anos.




E aí? tá esperando o que para seguir os seus sonhos?



Karla Aprato, consultora de carreira, especialista em Linkedin - Karreira.com 





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Terceiro Setor: Características e Classificação

O Terceiro Setor apresenta uma complexidade de assuntos relevantes que podem se desdobrar em temas de diversas áreas do conhecimento, desde as ciências humanas até a aplicação da tecnologia da informação na estruturação das redes de entidades.  Características :  Os principais objetivos são sociais, em vez de econômicos; Não distribuem lucro a seus administradores e proprietários;  Possuem alto nível de voluntariado e participação da sociedade; As atividades e objetivos são decididas por seus membros; Organização: São organizadas formalmente; Possuem estrutura interna; Objetivos formais; Distinção entre sócios e não-sócios; A dministram as próprias atividades; Normalmente são regidas por um Conselho;    No Brasil as organizações do terceiro setor classificam como: Empreendimentos sem fins lucrativos Fundações empresariais Igrejas e instituições religiosas ONGs e movimentos sociais O Terceiro Setor, ao contrário de organizações d

O que te atrai?

As possibilidades de desenvolvimento de carreira permanecem no topo da lista dos fatores que atraem profissionais para uma determinada empresa, e são consideradas mais importantes que um salário alto, com bons benefícios. Essa é a principal conclusão de uma pesquisa feita pelas consultorias LAB SSJ e Clave, realizada com 10 000 pessoas. De acordo com os entrevistados, as empresas mais atrativas são aquelas que oferecem os seguintes itens: 1- Perspectivas de carreira futura (13%) 2- Reconhecimento e valorização (11,5%) 3- Desenvolvimento de novas capacidades, cursos e treinamentos (10,3%) 4- Remuneração competitiva em relação ao mercado (6,9%) 5- Ótimos benefícios (6,7%) 6- Equilíbrio entre trabalho e vida pessoal (5,8%) 7- Desafios e responsabilidades relevantes (5,4%) Com base na opinião dos pesquisados, o estudo também listou as organizações brasileiras que mais oferecem os fatores mencionados acima, a saber: 1- Petrobrás 2- Vale 3- Google 4- Coc

5 casos bizarros de infantilidade no ambiente de trabalho

A máxima “não sabe brincar, não desça para o playground” parece servir para alguns adultos com síndrome de Peter Pan no mundo corporativo. Pesquisa realizada pelo Career Builder com 5 mil profissionais mostra que de 3 a cada 4 já presenciaram comportamentos dignos de um jardim de infância no escritório. 1. O dono da birra Dono da empresa costumava fazer birra, gritar e bater portas quando as coisas não caminhavam do jeito que ele queria. 2. Esconde-esconde Funcionário se escondia na empresa para fugir de deveres e obrigações do expediente 3. Armação ilimitada Funcionário armou uma cilada com o objetivo de colocar um colega de trabalho em apuros. Este tipo de comportamento também aparece na lista das puxadas de tapetes mais comuns no ambiente de trabalho. 4. O comilão Funcionário tinha por hábito atacar a comida alheia que estava na geladeira da empresa e deixar colegas de barriga vazia durante o expediente. 5. Almoço eterno Funcionário sa